?

Log in

Previous Entry | Next Entry

As coisas que passam por nós

Em tempos recentos só tenho utilizado este blog como um "caderno de anotações", quando preciso guardar um pedaço de texto que é de difícil acesso em algum trabalho que estou fazendo. Ultimamente, nem isso. Certamente o Facebook e outros meios de comunicação me sugaram, mas cada um tem sua própria dinâmica. A superficialidade do Facebook não me serve neste momento, e eu também gostaria de olhar para o passado utilizando um instrumento do meu passado. Eu sinto que um capítulo importante da minha vida como ficwriter se encerrou, e a minha vida de ficwriter é extremamente importante para mim e para outras áreas da minha vida. Portanto eu sinto que preciso dizer algo sobre o encerramento da stseiya_fanfics.

Minha primeira reação obviamente foi correr atrás de softwares para salvar mais de 10 anos de história, porque isso é precioso. Acredito que é precioso para o fandom brasileiro, para a sua história, mas isso é o de menos agora, porque é precioso para mim. E como não havia uma opção para responder ao anúncio, e eu preciso falar disso em algum momento, em algum lugar, vim pra cá depois muito tempo retomar a função original deste blog. Certas coisas passam por nós, e, se não vocalizarmos no "eu" presente, elas simplesmente passam e tendem a desaparecer. A maior parte da nossa vida passa sem que a gente sinta a necessidade de "registrar para a posteridade". Mas algumas coisas são tão importantes que precisamos marcar de forma apropriada, porque eu certamente não quero me esquecer da importância dessa comunidade e das pessoas envolvidas com ela na minha vida. Enquanto nós somos seres em constante mutação, quando o eu de hoje não é mais o eu de ontem, e o eu de hoje é muito diferente do eu de dez anos atrás, a única forma de nós entendermos quem somos hoje é olhando para certas coisas que passam pela nossa vida, boas e más, e que são marcantes em nossos trajetos. E sempre que olhamos para esse passado, nunca é igual, porque o nosso olhar muda à medida que mudamos e à medida como esse próprio passado vai se dissipando. Não existe um terreno firme, tudo o que tentamos criar é ilusão, e nós nos agarramos às nossas ilusões. Por isso que o registro, o backup é importante. E sendo uma criatura mutante, eu realmente gosto de pensar que ser fã de Saint Seiya e uma ficwriter é uma identidade permanente em mim, mesmo quando minha própria paixão por Saint Seiya não é mais tão intensa quanto antes, por mais que eu deteste admitir.

MInha segunda reação é que... simplesmente não posso permitir que as coisas desapareçam. Eu não gosto de mudanças, tenho um sério problema para aceitá-las, e se alguém disser que isso é um defeito, há momentos em que eu acho isso uma virtude. Portanto eu não estou pronta para perder uma casa sem buscar outra. Não é a mesma coisa, e eu sei disso, mas é algo que preciso ter. Por isso, eu acho que o melhor é transformar a perda em energia e tentar criar coisas novas para suprir a falta do que não é mais!

Anyway, sigamos em frente, porque pra trás não dá, sem esquecermos o que foi importante no passado.

Comments

( 3 comments — Leave a comment )
thamy
Feb. 15th, 2015 06:14 pm (UTC)
Sim, mais uma parte do fandom brasileiro morre silenciosamente... parece que todos os sites feitos 2004 já morreram de alguma forma, né? Mas então no final vc conseguiu salvar tudo? :o
nemui_thesleepy
Feb. 16th, 2015 08:16 pm (UTC)
Consegui, mas não dá pra navegar entre os links =/ Vc teve sorte com o Weasel?
thamy
Feb. 16th, 2015 08:25 pm (UTC)
Oh eu acabei fechando tudo ^^;;;
( 3 comments — Leave a comment )

Latest Month

October 2016
S M T W T F S
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     

Page Summary

Powered by LiveJournal.com
Designed by Taylor Savvy